História da BIC

Blog_Logo

Elas revolucionaram os hábitos de escrita de milhões de consumidores em todo o mundo, que continuam a valorizá-las por sua qualidade e preço acessível. Dificilmente você encontrará no mundo uma pessoa que não tenha escrito ao menos uma palavra com uma caneta BIC. E muito menos que não conheça a marca.

A história

Blog_1 A história desta famosa e popular marca tem sua origem em 1945, quando Marcel Bich, um ex-gerente de produção de uma fábrica de tintas, comprou uma fábrica nos arredores de Paris e em sociedade com Edouard Bouffard começou a produzir peças para canetas-tinteiro e lapiseiras. A dupla fabricava inicialmente para terceiros, entre eles a famosa marca francesa Waterman. À medida que o negócio de peças para instrumentos de escrita começou a crescer, o desenvolvimento da esferográfica avançava, tanto na Europa como nos Estados Unidos, e Marcel viu o enorme potencial desse novo instrumento de escrita. Depois de obter os direitos das patentes para uma esferográfica criada em 1935 pelo inventor húngaro Ladislao Biro, que estava refugiado na Argentina, melhorou seu processo de produção e introduziu em dezembro de 1950 suas canetas confiáveis e a preço acessível na Europa, chamando-as de BIC Cristal Ballpoint, uma abreviação rápida e fácil de seu sobrenome. Como pretendia exportar o produto para os Estados Unidos, o H do final foi suprimido. Em inglês, bich tem a pronúncia parecida com bitch, um pesado palavrão. A caneta que permitia escrever facilmente através de uma pequena esfera situada na ponta, fez tanto sucesso que, em apenas dois anos, o volume anual de vendas ultrapassou os 21 milhões de unidades.

Para ver essa matéria completa, clique aqui

Sobre o Agente

Paulo César de O. Diamanti

Agente da Propriedade Industrial.

Desde 1990 com experiência no mercado de Marcas e Patentes. Trabalho personalizado para empresas

Nossos Serviços